domingo, abril 02, 2017

Regueifa Doce

Olá amiguitas/os já ha algum tempo que cá não venho mas nem sempre consigo,o importante é não desistir certo?
Como muitos de vocês sabem eu sou mais uma que deixou Portugal,sim ja la vão 2 anitos que procurei um novo caminho.Como a maioria dos imigrantes tb sinto muita falta das nossas comidas,os doces regionais para não falar das saudades...mais isso é outra historia.
A conta desta situação vi me "forçada" a meter mãos á massa e tentar fazer as aqueles doces/pratos que tanto sinto falta.Desta vez foi a típica regueifa doce e após muitas pesquisas lá encontrei esta receita que me cativou.Digam la para primeira vez não ficou mal pois não?
Passo á receita que retirei de uma pagina de culinária a qual mencionarei o link no final.A receita original é feita num processador de alimentos mas eu fiz na batedeira usando a peça para massas tipo pão.

1 saqueta 11g fermento de padeiro seco
1,5dl de água (COLOQUEI 2dl)
800g farinha tipo 65 sem fermento
200g de açúcar
0,5dl de água+alguns fios de açafrão(opcional)(NÃO USEI)
2 colheres de chá de canela
raspa de 1 limão médio
75g de manteiga ou margarina derretida
4 ovos + 1 gema com uns pingos de leite para pincelar
 
 Coloque na taça a farinha, o fermento seco, o açúcar, a canela e a raspa de limão.Bata para envolver em velocidade média e com a máquina a funcionar junte a água tépida.De seguida
a manteiga derretida...os ovos, um a um, deixando que sejam absorvidos pela massa antes de juntar o próximo.O objectivo é que a massa fique bem elástica, ligeiramente peganhenta, até.
NOTA – dependendo do tamanho dos ovos o ponto da massa pode variar. Para encontrar o ponto perfeito pode ter de juntar mais um pouco de ovo (se os ovos forem pequenos) ou um pouco mais de farinha (se os ovos forem muito grandes).
 Unte com óleo uma taça grande, onde a massa possa crescer bastante.
Verta a massa, tape e deixe crescer num ambiente protegido de correntes de ar.
O forno, desligado, é o local ideal. Se quiser pode dar-lhe um pouco de calor, muito ligeiro, só para criar ambiente interior. A massa crescerá mais depressa. Este processo pode levar duas, três, ou mais horas.
 Coloque a massa numa bancada enfarinhada.
Não incorpore mais farinha, a farinha serve apenas para evitar que a massa cole.
Divida a massa em 4.
Segurando numa ponta, esprema a massa de cima para baixo, numa espécie de movimento de ordenha, para ela alongar.Forme 4 rolos.
Cruze duas peças, enrole-as entre si...
 ... e junte as pontas, pressionando bem para ligá-las.
Segure na regueifa e distenda-a mais um pouco. Se a massa estiver no ponto, o próprio peso dela será suficiente para a distender.
Coloque a regueifa num tabuleiro forrado com papel vegetal untado.
Alargue mais um pouco o centro, se necessário.
 Volte a colocar em local protegido, para levedar mais uma vez.
Quando tiver crescido o suficiente, ligue o forno a 180º.
Pincele as regueifas com uma mistura de gema com uns pingos de leite, polvilhe com açúcar a gosto e leve ao forno durante 20 a 25 minutos.
 Ficarão douradinhas, mas não em demasia.
Não as deixe muito mais tempo no forno para não secarem.
 
foto acima estavam já a massa levedada e pronta a ir ao forno.


Espero que gostem,pessoalmente gostei muito do sabor.

Se quiserem vêr o passo a passo da Clara de Sousa deixo aqui o link da sua pagina no facebook https://www.facebook.com/pg/claradesousa.aminhacozinha/photos/?tab=album&album_id=661814333883962

 
 
 


3 comentários:

Mary - Strawberrycandy disse...

Que maravilha,...
Beijinhos,
Espero por ti em:
strawberrycandymoreira.blogspot.pt
http://www.facebook.com/omeurefugioculinario
https://www.instagram.com/marysolianimoreira/

Inês Sofia disse...

Boa sorte nessa nova etapa! Que vos traga a concretizaçãode muitos projetos. Quanto à regueifa,está linda!
Confesso que adoro o teu blog. Sigo háanos e já testei várias receitas.

Sarita disse...

Obg Inês pelas palavras e não imagina o quanto me dá força saber que desse lado alguém gosta do que publico pois é algo que faço com muito gosto e dedicação.beijinhos

LinkWithin

Blog Widget by LinkWithin